Meio&Mensagem
Publicidade

Wave Festival

Adiado para 2022

Sem GP, PR entrega seis ouros

Ogilvy ficou com dois deles; WMccann, Alma DDB, NBS e Lew’lara conquistaram os outros

Teresa Levin
6 de abril de 2017 - 7h10

Última categoria a ter seu julgamento encerrado no Wave Festival, PR não teve um trabalho que merecesse um Grand Prix. Com isso, a área entregou apenas seis ouros, seis pratas e quatro bronzes; todos eles foram para agências de publicidade. A Ogilvy conquistou dois deles enquanto Alma DDB, NBS, WMcCann e Lew’Lara\TBWA ficaram com os outros. Um dos cases premiados com ouro foi “The Mindchanger Workout”, criado para o Comitê Paralímpico Brasileiro pela Ogilvy. Confira abaixo o vídeo do trabalho:

 

Uma das juradas da categoria, Kiki Moretti, diretora do Grupo In Press, diz que gostaria de ter visto mais cases, com ideias de PR que engajam, transformam e geram diálogo. “De forma moderna e criativa. As agências de PR acabam inscrevendo cases muito lineares ainda, criativos, mas aqui queremos olhar qual a ideia que a partir daquilo se transformou em várias ações”, explicou, lembrando ainda que em Cannes o mesmo critério é seguido. “Vi cases bacanas, criativos no dia a dia da agência, mas isso não é para ganhar prêmio. Aqui temos que premiar uma ideia, como ela transformou alguma coisa, gerou uma conversa diferente. Essa é a essência do PR”, concluiu.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Kiki Moretti

  • WMcCann

  • Ogilvy

  • Alma DDB

  • Lew'Lara\TBWA

  • NBS

  • Wave Festival

  • Wave

  • PR

Patrocínio

Realização