Meio&Mensagem
Publicidade

Wave Festival

27 A 29 DE MAIO DE 2019

Wave 2018: novo formato, nova data e nova casa

Evento muda para propiciar ambiente de networking entre criativos

Teresa Levin
27 de fevereiro de 2018 - 22h19

O Wave Festival in Rio está de cara nova. Em sua 11ª edição, o evento deste terá um novo formato, uma nova data e uma nova casa. Realizado há dez anos em abril, o evento promovido pelo Grupo Meio & Mensagem muda para o mês de maio, para reforçar sua vocação de ser uma prévia efetiva do Cannes Lions.

Com isso, este ano ele acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio, no hotel Grand Hyatt, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. A mudança de local vem para acompanhar o novo formato do festival. Realizado até 2017 no Copacabana Palace, o Wave Festival in Rio dividia sua agenda entre a premiação dos melhores cases criativos da América Latina e do mercado hispano dos Estados Unidos e um programa de seminários. A partir deste ano, a premiação permanece, renovada, mas o foco do evento passa a ser o de estabelecer um ambiente propício aos criativos convidados para troca de ideias e networking. Assim passa a ser um evento exclusivo para jurados e patrocinadores.

As mudanças acontecem após uma criteriosa avaliação da primeira década do Wave Festival in Rio, realizada a partir de um retorno dos jurados que participaram de edições anteriores. Enquanto no Cannes Lions os julgamentos são tensos, cercados de competitividade e cobrança das redes, no Wave o espírito é outro – como explica Marcelo de Salles Gomes, vice-presidente executivo do Meio & Mensagem. “Os jurados estão mais abertos para conhecer outros criativos da região, trocar experiências, sempre com um clima de cordialidade e amizade”, reforça.

A partir disto, surgiu o insight de aproveitar no Wave Festival a experiência de sucesso em outros dois eventos promovidos pelo Grupo M&M: o Marketing Network Brasil, voltado aos profissionais de marketing, e o Mídia Master Brasil, destinado aos principais mídias do País. “A ideia é fazer algo similar com os criativos, que replique o clima de integração que já conseguimos com estes dois outros eventos. Então, em vez de fazer um júri corrido, estamos investindo na interação e na troca de experiências entre eles”, frisa Marcelo. Com este novo foco, o Wave Festival 2018 contará com um maior número de jurados – serão 70 nesta edição, sendo a maioria deles de fora do Brasil.

Premiação

A premiação também terá mudanças. A partir deste ano contará com 18 categorias (veja explicação sobre todas elas abaixo, ou clique aqui e veja o regulamento completo), com o lançamento das competições de Media, Social & Influencer e Industry Craft. Acompanhando a nova organização do Cannes Lions, algumas áreas tiveram seus nomes alterados: Promo passa a se chamar Brand Experience & Activation; Press passa a ser Print & Publishing; Green muda para Social Change; e Cyber se divide em Digital e Digital Craft. Os nomes das categorias em cada área também foram alterados para o inglês. Outra novidade fica por conta de um prêmio que será entregue à Holding do Ano.

Já a mudança de data visa adequação ao próprio calendário de inscrições em festivais das principais agências da região, que têm em Cannes seu marco principal. “A ideia é dar mais chance para as peças latinas terem visibilidade. Ganhando um prêmio em um festival de criativos, elas já chegam a Cannes carimbadas, já terão passado pelo crivo da região”, explica Marcelo. Seguindo este objetivo, há ainda uma mudança no formato das inscrições. Antes com um deadline único, agora o Wave contará com dois prazos diferentes. Até o dia 27 de abril, poderão ser inscritas peças com os mesmos valores de 2017. Um segundo deadline foi criado: os trabalhos também podem ser inscritos até 7 de maio, mas aí com uma taxa de processamento de urgência. “Mudamos para maio para termos a grande maioria das peças que vão concorrer em Cannes inscrita no Wave”, reforça o vice-presidente executivo do Meio & Mensagem.

Nova configuração
Saiba mais sobre como estão organizadas as 18 áreas da premiação em 2018:

Blue Wave – Criada para celebrar a grande ideia do ano, premia trabalhos disruptivos e inovadores.

Brand Experience & Activation – Antes chamada Promo, a área celebra a criatividade por meio do uso de design de experiência, ativação, imersão, varejo e engajamento de clientes em 360°.

Branded Content & Entertainment – Focada na criatividade de narrativas de marcas que conseguem transferir seus valores e propósitos para um conteúdo com alto poder de relevância, envolvimento e engajamento da audiência.

Design – Prestigia trabalhos em que o design é usado para definir a marca ou comunicar suas mensagens centrais e ainda aqueles em que uma identidade visual única leva à compreensão do consumidor.

Digital – Antes chamada de Cyber, muda de nome acompanhando a nova organização do Cannes Lions. Premia trabalhos que são destaques pela criatividade no ambiente digital.

Digital Craft – Celebra a criatividade tecnológica e, para isso, a ideia é premiar trabalhos que demonstrem forma e função excepcional em um contexto digital.

Direct – Premia a criatividade impulsionada pela resposta e criação de relacionamento.

Film – Prestigia a criatividade da imagem em movimento. O júri buscará trabalhos que tragam um storytelling brilhante destinado a uma tela, o melhor conteúdo filmado criado para TV, cinema, online e experiências out-of-home.

Film Craft – Área destinada a premiar a arte na tela, prestigiando a produção, os filmes excepcionais que por conta da habilidade técnica e a proeza na produção elevaram uma ideia ou melhoraram drasticamente sua execução.

Industry Craft – Nova categoria no Wave Festival, vai prestigiar o craft de mídias como Print, Outdoor e Design.

Media – Também estreando no festival, surge após o encerramento do Prêmio Maximídia para reconhecer trabalhos que são aprimorados e ampliados por uma estratégia de canal que muda o jogo.

Mobile – Celebra a criatividade impulsionada pelo dispositivo móvel, premia trabalhos onde o ambiente mobile é parte integrante da ideia e permite aspectos-­chave da execução.

Outdoor – Prestigia a criatividade out-of-home, trabalhos que aproveitam espaços públicos para transmitir uma mensagem ou inserir os consumidores em uma experiência de marca.

PR – Premia a criatividade que cultiva relações com terceiros, ações que mudam percepções e comportamentos para proteger e melhorar a reputação e os negócios de uma organização ou marca.

Print & Publishing – Antes denominada Press, muda de nome para seguir a nomenclatura adotada pelo Cannes Lions. Celebra a criatividade em circulação, ideias que saem da página.

Radio & Audio – Destinada à criatividade conectada ao som, trabalhos que comunicam uma mensagem de marca por meio da excelência de áudio, inovação sonora ou narrativa auditiva superior.

Social & Influencer – Antes dentro de Cyber, passa a ser uma categoria independente para reconhecer soluções criativas de social e marketing estratégico utilizando “influencers”.

Social Change – A área antes chamada de Green premia ideias que ajudam a melhorar o mundo em que vivemos, com criatividade conectada a uma ideia sustentável, de mudança da sociedade ou que levante questões sociais ou ambientais capazes de gerar mobilização.

 

 

 

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Meio e Mensagem

  • Wave Festival

  • categorias

  • criatividade

  • prêmio

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio

Apoio

Realização